Projeto noiva em forma®

E coloquei o ® porque é marca registrada da Biessa….rs Eu vinha chamando de “Projeto Thaise ex-gordinha”, mas eu gosto mais do “Noiva em forma” porque se não fosse o casamento eu provavelmente não teria tomado o impulso de voltar a me cuidar.

E faz tempo que eu não relato o andamento do tratamento, que começou em novembro, lembram?

Da primeira semana de novembro para cá perdi (e espero nunca mais encontrar!!) quase 8 quilos. E só não perdi mais porque eu sou muito, mas muito folgada…

Continuo indo mensalmente à clínica da Dra. Adriana, que acompanha de pertinho minha dieta, as respostas do meu metabolismo, os efeitos no meu corpo. Cada mês vamos ajustando uma série de detalhes para que eu viva melhor…

Eu continuo fazendo a dieta, mas a diferença agora é que eu não preciso contar os pontos. Eu sei meio que de cabeça o que dá para comer e se estou passando do limite. A boa notícia é que eu nunca passo: parece que desenvolvi uma espécie de controle sobre meu corpo que nunca tive. Nunca mais tive aqueles ataques de ansiedade que me faziam devorar uma caixa inteira de bombons ou uma barrona de chocolate. Sem sofrimento algum. Eu simplesmente não tenho vontade… Para mim, é inacreditável.

Eu acho que esse efeito eu consegui por causa do remédio (continuo na sibutramina acompanhada de pertíssimo pela dra). Ele fez com que meu desespero passasse, minha fome diminuísse e tirando o desespero me devolveu o controle do que eu mando para dentro. Não virei natureba, não abri mão da pizza sagrada…eu só presto atenção às quantidades. Consigo me satisfazer com quantidades menores e não fico impaciente e louca enquanto não acabo com o que tem – o que é infinitamente difícil para quem teve criação italiana…não é só a cultura do “comer”, mas é a cultura de quem passou fome e que aprendeu (e passou de geração em geração) que satisfação é quando você se sente mal de tão cheia que fica!

Nesses meses, não houve um dia em que eu passei vontade de alguma coisa por não poder comer. Sério. Eu continuo comendo mais ou menos as mesmas coisas. Mas aboli o milkshake diário de ovomaltine (tem um quiosque do Bob’s DENTRO da escola onde trabalho…) – mesmo porque depois de almoçar eu não sinto um pingo de fome até às 19h… Eu tinha abolido o refri, mas com esse calor desértico que tomou conta de São Paulo…se for líquido e gelado eu estou bebendo. E nunca mais coloquei açúcar em suco nenhum. Aliás, aprendi que tem sucos tão calóricos quanto refri…e descobri que se tomar um copo de suco de melancia vou fazer xixi a noite toda! rs

Coisas bobas, mas que não faziam parte da minha rotina…Eu era magra e poderia engolir qualquer coisa que não engordaria… a gente acostuma.

Eu raramente bebo. Não gosto muito de álcool não. A dra. disse que eu poderia beber no Natal e no Ano Novo tranquilamente, desde que não tomasse o remédio…mas eu nem bebi, nem senti falta. Aí ganhei garrafas de Baileys, Amarula e Limoncello do meu amor….e pulei o remédio dois dias essa semana para curtir um pouquinho! hahahahaha Desse álcool eu gosto…rs

Acho que a grande diferença é que eu tomei consciência e tenho controle. E quer saber? São sensações ótimas. É como finalmente sair da caverna de Platão! rs

A próxima meta era fazer exercícios: dos 6,5 quilos perdidos até o mês passado, eu havia perdido 2 de massa magra.

Eu ODEIO academia. É uma coisa que mistura minha irracional razão (correr sem sair do lugar????), com a minha noção de chato e legal. Eu gosto de esportes, mas gosto de esportes que façam com que eu me divirta. Gosto de jogar (volley, basquete…), gosto de piscina (não de ficar nadando de um lado para o outro), gosto de andar para fazer compras ou pela Paulista com meu lovinho (se não tiver calor). Mas não gosto de FAZER EXERCÍCIO pelo propósito em si, sabe? Eu gosto de diversão. E não acho academia divertida.

Da última vez que me matriculei, paguei 4 meses e fiz 3 semanas de aula. E nem fazia todo dia!

Minha última tentativa de exercício foram umas aulas de dança. Eu simplesmente AMAVA. Fazia dança de salão com o Gustavo 2 vezes por semana e ia outras 2 vezes fazer dança do ventre e pilates. Só que meus horários são tendencialmente ruins, o Gustavo mudou de emprego, foi parar do outro lado de SP e não chegava mais a tempo para as aulas…e eu desanimei de fazer sozinha. Era muito bom fazer com ele! A gente ria demais, éramos PÉSSIMOS! hahahaha Não conseguíamos dançar bolero de jeito nenhum…rodar com o resto do grupo então….rs Sem falar que eu não conseguia deixá-lo me conduzir. Eu queria ser a chefe da dança! hahaha Ser passiva era muito, mas muito difícil….fala se não era uma super terapia de casal? Demoramos umas duas semanas para aprender uma série de três passos de bolero e ficamos tão felizes que a gente dançava os 10 segundos repetidamente na sala de casa….rs

Nessas 3 semanas em que fizemos aula (3 semanas parece ser meu recorde…), eu dormia bem…não sentia dores nas pernas por ficar de pé o dia inteiro (eu sou professora, lembram?) e me tornei uma pessoa muito mais tranquila.

Pensando em tudo isso, no tanto que eu quero voltar ao meu normal e no meu maravilhoso vestido de noiva… tomei coragem e fiz algo que eu estava enrolando para fazer desde o ano passado: saí da sala dos professores com meu atestado médico na mão e fui caminhando decidida até a academia da escola.

Olha que baba: a escola onde eu trabalho tem uma academia linda só para funcionários (até com secadores de cabelo no vestiário!), no meio do complexo de educação física. Ela funciona o dia todo, manhãzinha até a noite, com professores especializados e tal…e eu não pago um real por isso.

E mais: todo mundo que faz, adora. Até quem não gosta de exercícios.

Demorei, né?

Não rola a tal da preguiça de sair de casa…porque eu já estou lá para trabalhar mesmo, certo? =)

Hoje vou fazer a avaliação para que montem meu treino…ui! E sabe de uma coisa? Estou animada. É, estou animada porque é a PRIMEIRA VEZ na minha vida em que alguma medida para emagrecer que eu tomo traz resultados! Nada é mais frustrante do que malhar, fazer dieta e não ver o ponteirinho se mexer….e pode falar que está trocando gordura por músculo. Nem ligo. A gente PRECISA sentir que há progresso… é o princípio básico da motivação!

Apesar de eu ter emagrecido esses quilos todos, é raro alguém olhar para mim e dizer que eu emagreci. Mas eu não consigo usar roupa nenhuma! TODAS as minhas calças jeans caem do meu bumbum. Fala se tem coisa mais maravilhosa?????? Eu saí do manequim 46 e estou no 42. Não emagreci no rosto, mas emagreci em lugares localizados: peitos, barriga e pernas.

Agora preciso deixar tudo durinho porque ir para a lua-de-mel parecendo gelatina não rola, né?

No meio tempo, meu ponteiro marca 64,3 (contra os 72,1 de 3 de novembro de 2010!).

E nem vou falar “força para nós” porque eu não estou sofrendo nadinha….rs Quem precisa de força? =P

Quem mais em projeto de emagrecimento aí?

Beijos enormes e ótimo fim de semana,

Ise

Anúncios

23 Respostas para “Projeto noiva em forma®

  1. Que bom ler as boas notícias! 🙂 ahahaha e adorei a marca registrada 😉
    Tá certíssima em malhar. Até pq é mais do que estética, a saúde conta muitão. tô mto feliz que consigo atravessar as quatro partes da avenida diante do trabalho (cada uma delas com quatro pistas) correndo para pegar o ônibus e chegar lá sem ofegar.
    Tb desenvolvi um autocontrole que nunca tive antes. Não só para comer, mas tb para malhar (não gosto mto, como vc). Sei que a motivação é uma só: setembro está logo ali! Meu medo é depois perder o controle de novo!

    Bj

    • Saúde, definitivamente. Minha vó é cardíaca, safenada e tudo mais…Meu pai já teve 4 ataques do coração…ficar gordinha não é algo realmente que favoreça as muitas estripulias que eu quero fazer mundo afora com o Gu!!!! =)

      Não tenho medo de perder o controle…acho que o mais difícil é fazer o que a gente está fazendo…manter é mais fácil, vc não vai querer perder todo o esforço de meses…

  2. Oi Ise, acompanho seu blog faz um tempinho…
    Eu estou nessa maratona contra a balança tbm. Estive com o Endocrino e estou tomando remedinhos…
    O que eu tomo tbm me tira a fome, a ganancia de comer e principalmente a minha ansiedade! Estou a menos de 3 meses do grnade dia, e se não fosse essas formulinhas acho que estaria pior. Já emagreci uns poucos, mais ainda tenho 15 dias de tratamento, mas diferença na gula é espantosa!! É realmente maravilhoso conseguir resistir às tentações!! Mesmo quando a gente lembra do sabor, da textura e do aroma, só de olhar pra cara do doce…pelo menos a imaginação era o que mais me levava a devorar sem culpa….

    Boa sorte pra nós e seguimos forte na batalha!!!
    bjbj
    *Giuli*

  3. meu problema de balanca veio depois do casamento =/
    minha luta esta sendo agora hhehe
    ai que luta, no verao ainda
    acho q essa luta minha vai ser pra sempre contra a balanca hehe
    boa sorte para todas as mulheres com essa luta
    =]
    beijosss

  4. Pingback: Tweets that mention Projeto noiva em forma® | NOIVA MUITO NEURÓTICA -- Topsy.com·

  5. Ahá! Sabia que não iria resistir a maratona das noivas!!!!!
    Também estou nessa luta de endocrino+dieta, emagreci 8 quilos e odeio academia. Estou
    para começar aulas de boxe….
    Vamos nos puxando meninas. O importante é não desistir e saber que, além da estética, precisamos ficar em uma forma melhor para nos mantermos saudáveis!

  6. No começo, qd me propus a emagrecer 40 e tantgos quilos, eu tb nçao curtia nenhum pouco ir a academia.
    Comecei fazendo hidroginástica – era época do calor e eu precisava de uma atividade que não terminasse de ferrar minha coluna – e aos poucos, fui me envolvendo com a musculação.
    Uma nutricionista me acompanhou tbém – os cardápios mudavam as calorias por mês e variaram de 1350 a 1900 pra estimular meu metabolismo que é tão lento qto uma lesma – e com tudo isso, fui aprendendo uma coisa que nunca tinha sentido: ter um momento pra si no dia e ainda mais um momento onde você está cuidando da saúde e que de quebra melhora, o visu gelatina sem sabor, não tem preço.
    Mas toda essa mudança começou com analise, foi um divisor de águas em minha vida.

    big beijo

    P.S. curiosidade: vc começou com a sibutramina tomando baixas dosagens e depois foi aumentando? e qdo for tirar? vai diminuir aos poucos pro corpo se acostumar sozinho e vc não precisar mais dessa muleta?

    • Não sei…eu já fiz atividades que eu gostava na academia, como boxe e dança…mas acabo parando porque não gosto nem do ambiente. A sensação de que eu poderia estar gastando meu tempo com coisa tão melhor é incontrolável! rs Eu juro que era uma gordinha feliz…hahahaha mas a questão saúde é primordial…eu estava tendo muitos problemas em decorrencia do peso…
      Estou seguindo a risca as doses que a endocrino me deu e não tenho o menor medo de fazer dela minha muleta. Para o meu caso, especificamente, o papel dela é justamente o de acelerar meu metabolismo. Por outros motivos que não tem a ver com meu tratamento na endocrino, em dezembri fiquei qse 1 mes sem sibutramina…. não ataquei nadica, não mudei meu estilo de comida, nem as qtdes….e não engordei 1 grama… Acho que para mim o papel da sibu é qse que pedagógico: me ensinar a separar fome de vontade de comer…
      Ela fez todo um acompanhamento iniciando com doses menores..eu aidna tomo uma dose pequena…não sei se ela vai aumentar, não sei qual vai ser o procedimento para tirar…mas eu tenho ctza q se parasse hj, nada mudaria…

  7. Ise,
    Parabéns pela sua força de vontade e que você continue assim!Nao desanime NUNCA!
    Vou me inspirar em você!Hoje peso o mesmo que voce pesava no início do tratamento!Espero ter o excelente resultado que voce teve!Parabens!Bjs,Alana.

  8. Oi Ise, acho que o grande segredo está em fazer uma atividade que você goste. Sempre fui avessa às academias, mas agora, depois de perder 5 quilos em 4 semanas, motivação é o que não falta para malhar. Vá para a academia ouvindo Brtiney Spears, Madonna e afins que a motivação vem =). O grande lance é aprender a se alimentar para não depender de inibidores de apetite, nunca tomei remédio e toda vez que resolvi comer melhor e me exercitar os resultados foram sensacionais, só que a nossa vida às vezes é tão corrida que não dá pra manter. Agora é só muay thai pro resto da vida kkkk. Lutando e lutando. Beijos, querida, arrase muito com seu vestido de noiva.

    • Não acho. Para mim não vale. Eu AMAVA as aulas de dança e comecei a faltar porque começou época de provas na escola. Eu sou muito responsável e achava (e acho ainda) que não tinha cabimento eu ir dançar e deixar minhas provas, documentos e relatórios por fazer em casa. Não adianta cuidar do corpo e largar o resto. Eu levo muito trabalho para casa e não deixo de fazê-lo por nada, nem por coisas que eu amo de paixão…como sair de balada, ficar com o Gu, ver maratona de the good wife. Prazos são prazos e eu vivo cercada deles. Já fiz coisa que eu gosto e que eu não gosto e a diferença entre elas é somente o delta t entre o início e a desistência. Mas eu acho que dessa vez é diferente porque já estou aqui. Deve facilitar…
      E sério, não é porque vc não tomou remédio e deu certo que funciona com todo mundo assim. Metabolismos são diferentes… Não existe nada pior do que fazer dieta e muito exercício e chegar no mesmo lugar no ponteiro da balança no fim do mês. Eu estou tomando meu remédio SIM, porque obesidade é doença. Vc estava acima do peso, é diferente. Eu estava saindo de sobrepeso e entrando em obesidade, e com problemas vasculares que indicavam inclusive risco cardíaco. O segredo é não achar que a fórmula que funciona para a gente vá funcionar para todo mundo… Não é assim…

  9. Thaíse
    acompanho sue blog á algum tempo (adoro!),mas como sempre leio pelo pc do trabalho não tinha tempo de comentar,dia desses te vi na Casar é Fácil e até palpitei sobre o que vc disse rs,mas só hj finalmente reservei um tempinho pra poder comentar a postagem.
    Eu costumo chamar meu projeto de noiva gostosona rs,mas meu caso é o contrário eu adquiri bulimia e só me dei conta disso após meu noivo me arrastar pro médico,eu estou feliz com meu corpo,mas ontem postei foto da minha prévia de make no meu blog e escutei ou melhor li que estou mais magra,e isso é rotineiro costumo ouvir vários comentários desse tipo,quero malhar mas meu noivo acha que posso emagrecer mais ainda,sentiu meu drama? rsrsrs
    Acho que tanto pra quem quer emagrecer ou engordar o que conta é a força de vontade,no sue caso como vc mesma disse já nem sente aquela necessidade de comer tanto no meu caso eu preciso controlar a necessidade de vomitar,mas no fundo todas temos o mesmo desejo estar linda no big day!
    Ui pra primeiro comentário acho que meio que desabafei no seu ombro ou melhor no seu blog rs,eu quase não comento cm ngm sobre isso,pq constantemente eu vejo pessoas que fazem dieta pra emagrecer e td mundo apóia agora quando vc diz que têm um disturbio alimentar já imaginam que vc é uma menina metida a modelo que quer ser magra demais e eu odeio esse tipo de rótulo ou qualquer outro mas acho que noiva acaba se identificando com noiva,seja nas neuras,ansiedades,nervosismos e alegrias!
    Parabéns pelo blog!
    Bjs,Juh!

    • E mais do que tudo: a gente é julgada o tempo TODO. Por estar magra, por estar gorda, por não comer isso, por comer aquilo, por tomar remédio, por não gostar de exercícios….as pessoas não entendem, simplesmente não entendem. Por isso eu adoro qdo emagreci menos do que deveria ou engordei…a minha médica me olha e vendo que estou com vergonha me diz: olha, eu não estou aqui para te julgar. Estou aqui para te ajudar. Vamos pensar no que é melhor para vc então, mudemos de estratégia!
      Parebéns por se expor assim, porque eu SEI que não é fácil. Mas é preciso….porque a gente se entende, a gente se apoia, a gente serve de exemplo para quem está passando pela mesma coisa e tem vergonha de escrever.
      Distúrbios alimentares são seríssimos e qualquer um que não sabe disso é simplesmente ignorante… =)
      Boa sorte!!

  10. Olá Ise,
    Leio seu blog há um tempo, até já comentei em um post sobre revistas de noiva ( sou produtora de moda, será q vc lembra?). Eu também estou começando um regime e estou animada, hoje porém quase dei uma derrapada legale comi mais do que devia, mas fiquei firme, aí entro agora no blog e leio sobre seus resultados. Minha animação toda voltou! queria apenas que você soubesse que me deu uma força, mesmo assim, de longe e agradecer.
    um abraço
    Carol

    • É algo difícil mesmo de se fazer. Acho que funciona bem nos animarmos! Fico feliz que pude dar uma força! E claro que me lembro de vc! rs

      Preciso contar do grande mico que fui eu na academia ontem!!! hahahaha

      Bjs

  11. ADOREI seu post!
    Realmente uma inspiração, visto que me dispuz a perder ao menos 10 quilinhos até meu casório, mas sempre achei essa de emagrecer uma tortura!
    Obrigada pelo ânimo! rsrsrs
    beeijo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s