Atenção noivas, noivos, padrinhos e damas: Fujam sem olhar para trás da “SÓ A RIGOR”

Eu pareço criança quando descubro algum fornecedor fodástico e fico insuportável enquanto não venho aqui contar para vocês. Mas infelizmente, não só de flores é feito esse momento pré-casamento e vez ou outra a gente topa pessoas que preferíamos não tivessem cruzado nossos caminhos noivísticos.

Isso tende a acontecer menos quando temos uma ótima assessoria, quando vamos aos fornecedores por indicação de amigas ou blogs etc. Mas às vezes não tem como prever um péssimo atendimento…

Eu não ia ter daminha. Decidi com o Gustavo há pouco tempo e não havíamos separado verba para tal dentro do nosso orçamento com a TOP – o que não impediu as meninas de ajudarem a gente e pensar em como poderíamos fazer (eu e o Gustavo em SP e a daminha em BH). Fomos para BH com a intenção de alugar a roupinha lá (nós fazemos questão de pagar pois achamos bem feio os noivos que convidam e fazem os pais pagarem pela roupa), mas como isso é o Brasil e como a data era Carnaval, chegamos em BH às 14h30 da tarde quando tínhamos comprado passagens para chegar às 7h30 da manhã… resumo da ópera: tudo fechado! Perdemos todos os horários que tínhamos marcado…

Pesquisando, optei por ir à Só a Rigor pois vi que a mesma contava com loja em São Paulo e também em BH. Pareceu fácil: eu escolhia o vestido e pagava aqui…e a minha daminha poderia experimentá-lo e retirá-lo lá.

Mandei um e-mail perguntando se seria possível fazer isso, recebi resposta afirmativa. E lá fomos eu e o Gustavo aproveitando para fechar também a roupa dele na ocasião.

Informei para a moça da recepção que havia falado com a Célia (que foi uma fofa) via e-mail e que gostaria de ver vestido para daminhas e a roupa do noivo. A moça da recepção disse que o vestido de daminha poderia ser visto com ela e que depois desceríamos para ver a roupa do Gu.

Gleice. A moça se chamava Gleice.

Eu não morri de amores pelos modelos, tão mais do mesmo, sabe? Perguntei o preço dos que havia gostado mais e ela me informou que qualquer um sairia a R$300,00 já com as modificações inclusas.

-Então se eu modificar ou não modificar, sai tudo a R$300,00, certo?

Isso. E R$ 300,00 só o vestido. Achei meio carinho, havia visto a R$120,00 com TUDO incluso (sapato, luvas, cabelo…) mas se havia a facilidade da Milena experimentar tudo em BH… valeria a pena pela facilidade.

-Eu não vou cobrar o frete de R$50,00 de vocês, viu?

Cara, vamos combinar… quando você está gastando com um casamento, R$50,00 infelizmente vira dinheiro de bala. Entre a roupa do Gustavo e o vestida da daminha, ficariam quase R$700,00 ali, a vista. A loja é a mesma aqui em BH…não cobrar o frete SP-BH era o mínimo que eu esperava. Se fosse para pagar frete, eu poderia ir em qualquer uma das milhões de lojas em São Paulo, certo? Inclusive naquela de R$120,00 tudo incluso. Fazendo as contas: 120+50… Ainda dá bem menos que os R$300, né?

E olha que eu nunca fui em gênio matemático. Fiquei de recuperação na 7a série em produtos notáveis e no 1o. colegial em sistemas sei lá das quantas…

Pensando em tudo isso, ainda estava achando caro…mas tendia a fechar pela facilidade. Perguntei ao Gustavo o que ele achava, considerando tudo isso. Fora o fato de que o modelo que gostei estava notavelmente amarelo e estragado. Ela disse que não ficaria branquinho porque ele já era velho, mas que seria lavado e consertado…e juro que eu estava disposta a relevar isso e acabar logo com a história. O tempo urge….E eis que a tal Gleice diz:

-Fiquem tranquilos, vamos chegar no preço que vocês querem…

Não sei se sou só eu, mas isso ao meu ouvido soou como: estamos abertos a negociação, já que vocês vão fechar também a roupa do noivo…Além do fato de que, qdo vc gosta de algo com defeito ou com problema…o normal é que a empresa te dê um desconto, não?

Ou sonhei???????

Eu não estava escolhendo aquele porque ele teria mais desconto por estar estragado. Foi o modelo que eu achei mais bonitinho lá. Os outros eram simples demais, bem sem gracinha…Vestidinho de usar em festa de aniversário em salão de prédio, sabem?

Só que isso foi antes da gente dizer que não iríamos obrigar nossos padrinhos a fechar a roupa lá – e nem em lugar nenhum. TODO MUNDO SABE que quando os padrinhos são obrigados a fechar a roupa em tal lugar, o noivo ganha a roupa dele de graça. TODO MUNDO SABE. Eu quando vejo os homens todos iguais no altar só penso: aaahhh, quis economizar, né mão-de-vaca?

Eu vou direto para o inferno, eu sei. Mas eu penso assim porque eu SEI que é assim. Não venha me dizer que achou bonito. Ninguém coloca todo mundo igual porque é bonito. É brega. Parece festa de 15 anos. Além do fato de que é extremamente mal-educado você convidar as pessoas que gosta para um momento tão importante da sua vida e concomitantemente dar gastos a ela. E se ela não puder pagar, não merece ser seu padrinho/madrinha? Ah, faça-me o favor. Eu acho que a regra é simples: o noivo e a noiva tem todo o direito de achar qualquer coisa bonita e exigir dos seus padrinhos/convidados/damas….desde que paguem por isso. O casamento é seu, o gasto idem. Acho o fim da picada sharear gastos com convidados… Falta de feeling, educação, etiqueta.

Eu e o Gustavo escolhemos nossos padrinhos baseados nos papeis que eles desempenharam na nossa vida antes e depois que nos conhecemos. E por mais que a gente tenha minimizado os gastos, a verdade é que temos muitos convidados de fora que vão gastar para se deslocar e dormir uma noite em São Paulo. E por isso não, não vamos pedir para que eles aluguem a roupa que EU escolher. Cada um vai com a roupa que tem e gosta. Não gosto de noivas ditadoras, que escolhem cores e modelos de roupa. Chaaaaato.

Claro que isso significa 10 locações a menos para a Só a Rigor. E claro que sofremos na hora o impacto da diferença de atendimento…

E aí minha pulga atrás da orelha número 1: fornecedor bom é o que te trata como cliente mais especial independente do seu gasto – R$30,00 ou R$30.000…

Afinal, todo mundo sabe que boca-a-boca é tudo para o sucesso de um negócio, não? Posso gastar R$30,00 mas indicar para alguém que planeja gastar R$300.000. Ou para 100 outras pessoas…

Gustavo experimentou sua roupa…troca aqui, coloca sapato…pensa se aluga o novo…e lá se vai uma hora de experimenta roupa – o que todo mundo sabe que é mais que o máximo do limite de normalidade para um homem antes que ele comece a ficar desesperado…

Sentamos para pagar e eis que a tal Gleice diz que não, que não tem desconto nenhum pois está dando o frete de R$50,00 para a gente.

COMO É QUE É???? VIREI TROUXA AGORA??????

Tudo diferente do que ela havia dito lá em cima. Ainda bem que o Gustavo estava comigo e me confirmou palavra por palavra depois o que ela disse….senão eu juro que ia achar que estava lelé da cuca….

Meu instinto natural seria de procurar a câmera…porque aquela palahaçada ali só poderia ser pegadinha.

Eu não sou mão de vaca, eu não olho preço se quero alguma coisa. Mas eu sou MUITO justa e correta. Ética vem antes de qualquer coisa no trato com as pessoas. O que esperar de uma empresa que age assim?????

Na minha lógica, poderíamos levantar e ir embora. Afinal, estávamos lá por causa do vestido da daminha. A roupa do Gustavo era fácil de ver em qualquer outro lugar. Quantos outros lugares em São Paulo com meio-fraques à disposição, tratando cliente como rei e rainha?????

Eu disse que falaríamos com a assessoria antes de fechar qualquer coisa, que elas ligariam na segunda feira para conversar sobre as roupas…

E aí começou o que toda noiva conhece. O festival de pressão psicológica…

“Isso aqui é uma reserva…se você sair sem fechar, eu não tenho como garantir a reserva…”

Ok, sem problema. Eu sei de outros mil lugares que terão meio-fraque caso os de vocês acabem….

“Aí vai ter que experimentar tudo de novo….”

Pronto. Eis que tocou num ponto crucial. Meu homem me olha com cara de suplício. Sacanagem master fazer isso… Não só perderíamos o nosso sábado pois nada do que havíamos feito ali teria validade, mas ainda perderíamos outro sábado fazendo a mesma coisa. E temos só mais 12 sábados até nosso casamento.

Por mim, eles ganhariam um grande palavrão -fez chantagem comigo eu NÃO FECHO, pode ser o Brad Pitt para servir docinhos só de cueca na recepção. Mas o Gustavo está com os horários cheios pois está trabalhando fora de SP, viajando um monte a trabalho, morto de cansaço, fazendo mil horas extras… puta sacanagem fazê-lo passar por isso de novo.

E tudo porque a tal Gleice MENTIU no que dizia respeito aos vestidos das daminhas. A gente poderia ter saído de lá e ter descido no Back Tie, na mesma rua….e voilà. Tudo ok. Sábado com roupa para daminha e noivo checked.

Não obstante, começaram a fazer inúmeras propostas para que eu fechasse a roupa da daminha também: se você trouxer a daminha aqui NO DIA DO SEU CASAMENTO, não vamos ter que pagar o frete…

Tá de piada, né? Não sacou ATÉ AGORA QUE O MEU PROBLEMA NÃO SÃO OS SEUS RICOS R$50,00 DE FRETE????? Tem muito mais a ver com postura e ética, gente. Acordem para a vida…

Virei para o Gustavo e disse que não, que eu iria para BH se precisasse, levar pessoalmente o vestido da Milena ou alugar lá.E a tal Gleice não sacou ainda que era hora dela ficar quieta:

-Ih…mas aí tem o gasto com a passagem….

Vamos lá, Gleice.

1. Eu tenho milhas. Na Gol e na Tam.

2. E se eu simplesmente não me importar de ter esse gasto que vai beirar os mesmos R$300,00 do tal vestido amarelado sem desconto para ficar feliz o resto da minha vida???? Eu não estava mendigando desconto, estava só pedindo para que você honrasse o que havia dito quando nenhum outro funcionário da loja estava por perto.

Porque infelizmente a Só a Rigor não percebeu que noiva não miguela na hora de ser feliz. Mas não gosto de ser tratada como idiota.

Porque eu não sou.

3. E se eu acho o cúmulo do absurdo fazer a menina de 7 anos viajar a noite toda e ainda ir de manhã no dia do casamento experimentar a roupinha dela???????????

Respirei fundo e só mexi a cabeça fazendo que não. Eu estava transtornada. Sou italiana e brava mas sou sensível. Eu fico dias chateada quando me tratam mal ou quando menosprezam minha inteligência.

Não, não acabou aí.

O Gustavo queria pagar a roupa dele no master. Não podia, só visa. Já cansados de tantas dificuldades, demos um cheque meu e pagamos os R$280,00 da roupa dele a vista. Mas estou com o dedo coçando para entrar no site do banco e sustar… enquanto fazia o cheque, ouvia a tal Gleice na recepção falando com um outro homem (que não sei quem é). Falando mal da gente. Ali, na frente de todo mundo. Ali, onde não só o meu pai podia ouvir na recepção, mas também os outros clientes (inacreditável que trabalhando assim eles ainda tenham outros clientes…). E eu, ali de dentro, ouvindo enquanto preenchia o cheque.

Juro que quase joguei os R$300,00 e mais os R$50,00 do frete no balcão antes de entrar no meu carro. Mas aí pensei que esse dinheiro nos valeria mais dentro do bolso… para quê dar comissão a alguém que atende tão mal assim????

Eu sou professora. Valorizo postura e ética como características básicas da boa educação e da cidadania. Não faz sentido premiar alguém que opta por esse comportamento só porque estava bravinha.

Respirei fundo e, cheque feito, fui embora…com o meu pai e com o Gustavo. Sem nem olhar para trás.

E dói pensar que vou ter que voltar lá no dia da retirada da roupa do Gustavo para conferir se as manchas (que nos prometeram que sairiam), as linhas e os botões estarão lá. Por mim, eu nunca mais entrava em uma SÓ A RIGOR. Apesar do tratamento fofo da Célia e do Vanderlei (responsável pelas roupas do Gustavo), essa postura do Gleice e do que eu acho que era o gerente da loja me deu nojo. Não deve ser fácil fazer um cliente se sentir tão mal como eu me senti lá.

Não quero que nenhuma de vocês se sinta como eu me senti. Ninguém merece. Dá vergonha, embrulha o estômago e faz a gente se perguntar porque algumas pessoas trabalham atendendo pessoas. Se puderem pegar a minha NÃO-RECOMENDAÇÃO com a mesma seriedade que aceitam as minhas RECOMENDAÇÕES, nem passem perto da SÓ A RIGOR. Isso vale para as noivinhas do Rio, de SP, de São Bernardo, da Bahia e de Belo Horizonte. Temos noivas leitoras de todas as cidades onde há lojas…

No meio tempo, se alguém tiver o contato dos diretores ou de algum responsável e puder mandar para mim, agradeço. Eu ainda espero uma resposta, justificativa, pedido de desculpas….sei lá. Acho que é o mínimo que restaria de dignidade ainda… Mas honestamente, não sei se tenho esperanças…difícil apagar uma impressão tão ruim!

Beijos indignados e tristes,

Ise

@ise_pregnolatto

tvpregnolatto@gmail.com

Obs.: Noivinhas queridas…como postei o texto há menos de 2 minutos e já tenho reclamações da mesma loja no meu e-mail, twitter e facebook, estou colocando uma reclamação no http://www.reclameaqui.com.br e acho que seria legal se vocês fizessem o mesmo para engrossar o coro. Daqui a pouco publico o e-mail da Folha de São Paulo….

Anúncios

34 Respostas para “Atenção noivas, noivos, padrinhos e damas: Fujam sem olhar para trás da “SÓ A RIGOR”

  1. Ise, ate imagino a sua carinha de raiva e fuzilando a tal vendedora … aqui no rio qd fui na so a rigor ver vestido de noiva a mulher me olhou de cima a baixo e disse assim mesmo. – Vou ver se tem algum no seu tamanho. Com maior ar de deboche… td porque estou acima do peso… sai de la antes mesmo dela descer com os vestidos e ainda fui falar com o gerente sobre o PESSIMO atendimento da sua profissional… Na mesma hora as outras noivas falaram que viram a tal funcionaria sendo grosseira comigo e eu ainda consegui fazer com que as outras tres noivas nao alugassem os vestuidos l’a.
    NAO PASSO NEM PERTO DESSA MALDITA LOJA QUE SO VISA O LUCRO!!!!

  2. Olá Meninas,

    Nossa to chocada com essa história… que horror…
    Gosto de ser bem tratada até no tio do Dog da esquina, e em uma loja desse porte ela te tratar assim é um absurdo…
    Bom de todos os meus padrinhos apenas um tinha o seu próprio terno então todos alugaram no mesmo lugar que o Gui… o que de fato diminuiu o valor da roupa do Gui mas ela não saiu de graça… porém é como a Ise disse quando gostamos de uma coisa o valor não é tão importante assim…
    E viva as diferenças eu Renata acho muito mais bonito os padrinhos iguais do que ver uma cena comica de padrinhos de gravatas e camisas douradas ou vermelhas combinando com o vestido da parceira como vi a alguns meses atrás rs…mas isso é questão de gosto neh… enfim…
    O Gui alugou a roupa dele em uma loja chamada Via Santony que fica na rua são caetano e nós adoramos, fomos muito bem atendidos no primeiro dia e em todos os outros que tivemos que voltar lá pra levar pajens e tals… eles tem muitoosss modelos de roupa de noivo ficou até dificil de escolher… e para ajudar o preços da locação dos padrinhos foi um dos lugares mais baratos que encontramos R$ 95,00, bom é isso… O NMN serve para isso ajudar nós noivinhas a organizarmos o nosso evento da melhor forma…
    Ise fique calma… ainda faltam 12 sábados para o seu casamento… para o meu faltam 2 hahah ai que dor de barriga rs…
    beijos e ótima semana a todas!

    • Viu? Você foi super bem tratada na São Caetano e eu na Rebouças tratada como o mosquitinho do cocô do cavalo.

      Não existem regras…

      Obs.: combinar camisa com o vestido da parceira é feio demais…

      Eu não vejo essas coisas pré-combinadas fazendo sentido senão em um filme americano de adolescentes curtindo a vida a doidado…rs

  3. Vc foi é muito paciente de ainda ter fechado com eles…se fosse comigo, sairia de lá gritando…
    E, cuidado…pra essa mulher rasgar a roupa do seu Noivo como vingança é facinho, facinho.

  4. Olha, Só a rigor tem péssima reputação aqui no Rio. Nem passei na porta! Há uns dois anos, Leandro precisou ir lá pra alugar um meio-fraque pra ser padrinho… foi um saco, sério. Ficavam reclamando pq ele tinha ido sábado e não durante a semana. Ele ficou mofando lá com a calça para marcarem bainha e deu uma reclamada, aí a criatura ranhetou pq ele tinha ido sábado. Parece que ng tem o que fazer né. Faça me o favor

  5. Olá Ise, fiquei indignada com esse seu post, onde já se viu tratar um cliente deste jeito, essa empresa no mínimo, devia fazer uma reciclagem com todos os funcionários para aprenderem a tratar um cliente, e como você diz, não interessa se gasta R$30,00 ou R$30.000,00, cliente é sempre cliente e tem que ser tratado como a última bolacha do pacote mesmooOOo!!!

    Bom, enviei um e-mail para todas as lojas deles expondo o seu problema, acho que se muitas de nós fizer isso, eles terão que te dar uma resposta!!! E se não resolver, chama um advogado, isso foi uma falta imensa de respeito!!!

    Beijos

    Vanessa Stavale

  6. Eu fico revoooltadissíma com esse tipo de postura de alguns fornecedores…
    Odeioooo vendedor que faz pressão psicológica…
    Sábado fui em algumas óticas no shopping eldorado para comprar meu óculos (é, vou ter que usar para leitura, rs) como sou uma pessoa muuuito indecisa e meu noivo muitooo “mão-de-vaca” para algumas coisas, rsrs para ele tudo que era mais barato era bonito, rs…
    Depois de passear por todas as óticas, passando em frente a cilli beans, resolvi entrar para olhar a nova linha de armação de óculos, mesmo sabendo que dali não saíria com nenhum… pois já tive problemas com a chilli beans… enfim, provei alguns e até que gostei de um vermelinho, mas não ia comprar… a vendedora vendo que eu gostei do tal vermelho, ficou enchendo o meu saco para levar… disse que ia dar mais uma volta e que qualquer coisa voltava lá, ela teve coragem de chamar mais 2 vendedores da loja para darem opinião sobre o óculos em mim, fazendo meu noivo ficar meio enciumado, já que 2 homens estava ali, me avaliando e elogiando num exagero de dar nojo sabe? e quando ainda assim eu disse que voltava depois, ainda ouvi o vendedor dizendo que eu poderia voltar e o oculos não estar mais lá… ahh não consegui e respondi: ahh ai o azar é todo meu…
    ahhh faça-me o favor né?

    Com relação ao aluguel de roupas, na minha formatura aluguei meu vestido na black tie, fui muito bem atendida… recomendo….

  7. Olá Thaise.
    Fiquei indignada com essa história. Trabalho com público, já fui vendedora e ficava muito triste com a postura de trabalho de algumas pessoas ( até gerentes) com quem trabalhei. Tratar mal o cliente baseado no quanto ele gastou ou na roupa com a qual ele entrou na loja é de uma burrice sem tamanho. espero que essa loja fique cheia de reclamações em todos os lugares.
    Outra coisa que me deixa chateada é empurrar roupa que não ficou bem pro cliente, só por causa da comissão, foi por isso que saí do comercio e fui ser consultora. Adoro ver as pessoas felizes e se sentido bonitas de verdade e vender só pra bater meta me parece muito desonesto.
    Vou dizer que meu sangue mezzo italiano também ferveu com essa da vendedora falar mal de vocês assim, na maior cara de pau…

    • Pois é. Você é da área, né Carol? Sabe do que estou falando… Sabe, a roupa do Gu ficou mesmo muito bonita e o mais importante – ele adorou. Não precisavam ter jogado tão pesado…a gente só teria elogios se tudo tivesse corrido de uma outra forma. No final das contas, o fato de que o meio-fraque dele é maravilhoso fica até diminuído no meio de tantas reclamações sérias…

  8. Oie Meninas,

    Ise, q absurdo a postura desta vendedora, uma vergonha! O pior q nao importa o q eles façam, nao vai apagar o nervoso e a decepção q vc passou! É lamentável saber que ainda existem lugares onde o consumidor é tratado como lixo!

    Respira fundo!

    Bjuss

  9. GENTE!!!!! TÔ PASMA

    Meu casamento foi todo fechado na SÓ À RIGOR, meu noivo fez o 1ºaluguel de sua roupa e os padrinhos alugaram 1/2 fraque, 2 dos meus padrinhos reservaram suas roupas na loja de Copacabana,e ficou tudo padronizado,sem nenhum problema.
    Será que tive sorte????? ou eu fui uma noiva estressada.
    Fui muito bem atendida e gostaria de deixar meu depoimento a favor dessa Empresa.
    Estou achando muito desatinada e exagerada essa reclamação, pois sabemos que as vezes nos deparamos com pessoas despreparadas para trabalhar com o publico , Acho sim que a Empresa deve entrar em contato com a Ive e até tomar alguma atitude quanto ao funcionario.
    Mas desculpe Ive ,dai voce denegrir o nome de um grupo de lojas acho um pouco leviano.
    Esse é o meu depoimento embasado não só no meu casamento realizado pela SÒ À RIGOR, mas por outras festas que já fui e aluguei roupa em São Bernardo. Sou cliente SÓ À RIGOR

    • Exagerada porque não foi com você. De qualquer forma, estou no meu direito de reclamar. Hahahahaha tá parecendo até complô de fake de gente da loja…muita coincidência dois comentários não aprovados (eu preciso aprová-los para que todos possa lê-los) dizendo exatamente a mesma coisa. Coincidentemente duas pessoas que nunca postaram???? Eu ia deixar quieto sim, mas depois dessa… hahaha continuam achando que eu sou trouxa….tem número de IP nos comentários, sabia?
      Leviano é tratar um cliente como eu fui tratada – além de ser CONTRA A LEI. Reclamar de mau atendimento é direito constitucional. Não faz o menor sentido vocês tentarem inverter a situação e dizer que EU estou errada…gente, eu não nasci ontem. Lamentável essa conduta da Só a Rigor… poderia simplesmente tratar bem seus clientes.
      Acho que vou é retornar a ligação da Folha de São Paulo…

  10. Meninas,
    Já me casei, mas continuo entrando em blogs e lendo tudo sobre assunto pq tenho uma irma que esta para se casar em setembro desse ano e tudo que eu acho legal eu mando pra ela…pra reforçar!
    Ler vcs falando da So á rigor me chamou atencao pq foi la que eu aluguei a roupa do meu marido, padrinhos e daminha pro meu casamento!! E confesso que estou surpresa com as coisas que li, realmente nao parece a mesma empresa que eu aluguei as roupas. Fui muitissimo bem atendida, meu marido (que tb odeia provar roupa) adorou o atendimento e provou a roupa 2 vezes SIM, pra ver se os ajustes estavam corretos, e estavam =) Os padrinhos todos elogiaram a loja, inclusive um deles que se casou ano passado alugou a roupa de noivo dele lá! quanto a daminha tb nao tive problema nenhum, tive apenas uma daminha e a roupa estava muito fofa… Acho muito injusto e cruel desmoralizar uma empresa tradicional e conhecida, pelo mau atendimento de UMA UNICA funcionaria, que talvez nao estivesse nos seus melhores dias, sei la!

    • Não acho injusto dizer que a funcionário junto a uma pessoa que estava lá (provavelmente o gerente) ficou me olhando de cima até embaixo dizendo que eu não deveria casar já que não tenho dinheiro para tal. De qualquer forma, pelos relatos que recebi, não parece que tenha sido um evento isolado o nosso, mas sim o seu…
      Eu não posso me dar ao luxo de estar no meu trabalho e errar tão feio assim. Você pode? Por muito menos eu seria mandada embora. E eu também lido com pessoas.
      Ninguém tem o direito de destratar alguém porque acordou num dia ruim. Não existe isso! Ninguém tem o direito de mentir e te fazer passar por mentirosa só porque não estava num bom dia. São princípios básicos de conduta, educação e ética. Uma vez que você valoriza esses princípios, não aceita o fato de que as pessoas possam agir assim. É o básico da vida em sociedade.
      Eu acredito que para atos existem consequências e as pessoas precisam pensar mais nisso. Acho que está saindo é bem barato para ela. Eu deveria era processá-la. Humilhação pública é crime, sabia? Não estamos no meio da barbárie onde cada um pode fazer o que quiser com a justificativa de que acordou num mau dia. Ainda bem.

    • Claudia e Carla,

      Importante vcs falarem da experiencia de vcs, mas infelizmente, a situacao de vcs foram isoladas e nao a regra. O q a Ise esta fazendo nao tem absolutamente nada de errado, ela apenas relatou a frustracao e a indignacao, da mesma forma que diversas vezes ela apareceu aqui para relatar a felicidade ao ser mto bem tratada.

      No caso da Ise, pode ter sido UMA UNICA funcionaria q estava em um dia ruim, mas o erro da SO RIGOR foi de impedir que o dia ruim de UMA UNICA funcionaria danificasse a imagem, q segundo vcs, e’ tao boa.
      A palavre de ordem aqui e’ padronizacao, se a SO RIGOR padronizasse o treinamento de suas funcionarias e seus gerentes estivessem de fato interessados no q acontece na loja, a Ise nao teria saido nunca tao insatisfeita. Posso falar com conhecimento de causa, pois trabalhei em loja por cinco anos.
      Um dia ruim de UMA UNICA funcionaria nao pode nunca ser a justificativa para falta de qualidade, pq se vamos apelar para o absurdo, imagina vc ouvir de um hospital q o medico matou alguem da sua familia pq estava em um dia ruim e nao se concentrou no q estava fazendo? Sim, uma comparacao ridicula para uma sugestao ridicula. A capacidade de lidar com frustracao e nervoso dos funcionarios e’ o q determina a qualidade de atendimento de um local, pq todos nos temos um dia ruim, mas isso nao pode nunca interferir na forma como lidamos com as pessoas e principalmente nao pode prejudicar o trabalho.
      Nao ha absulatamento nada de leviano ou exagerado da parte da Ise, se ela estivesse aqui elogiando a SO RIGOR, vcs duas viriam aqui para acusa-la da mesma forma?? A Ise deve ser respeitada por expressar a opiniao e ralatar o acontecido, todas nos somos crescidinhas o suficiente para tirarmos nossas proprias conclusoes a respeito. Nao e’ obrigacao da Ise se preocupar em qntos clientes a loja vai perder, esta e’ uma preocupacao q cabe a loja e a UMA UNICA funcionaria, pq e’ dos clientes q sai o ganha pao dela. Do cliente q gasta R$1 ao cliente q gasta R$1000, sao eles q fazem com q a loja continue aberta. Mesmo a menor loja q existir sabe q “um cliente feliz, em media, atrai 3 novos clientes; ja’ o insatisfeito afasta 10”, essa e’ a primeira regrinha q aprendemos qndo trabalhamos como vendedora, aparentemente, a UMA UNICA vendedora nao aprendeu!!
      Por isso, forca ai Ise, e continue sempre dividindo suas experiencias conosco!

  11. huahuahuahuhua chega a ser comico esses comentários… a pessoa ainda tem coragem de te chamar de Ive… fala sério.. a loja consegue se complicar ainda mais…

  12. O casamento não é meu, é de uma amiga dos meus amigos – foi meio assim que vim parar nesse blog – mas tá certissima em reclamar da situação totalmente 5ª série que foi obrigada a enfrentar.

    Todos temos um dia ruim ou até vários seguidos, mas demonstrar isso no emprego e ainda por cima para um cliente em potencial, é praticamente implorar pra ser despedido pela empresa.

  13. Eu não consigo aceitar a desculpa que “era um dia em que a vendedora não estava bem”… gente, se ela tivesse apenas tratado mal ou não ter sido atenciosa ou coisa do tipo, até caberia a explicação do “era um dia em que a vendora não estava bem”… mas não foi só isso, a vendedora criou uma situação constrangedora… não foi questão de atendimento, foi questão de respeito, educação, ética… e isso é muito sério.

  14. Oi Ise!!!

    cara, me da o endereço que eu vou lah me vingar da vendedora, verbalmente, claro! 😀

    ow, li o comentario da renata lah em cima. Vou ser madrinha em abril.. vc acha que eh brega combinar a gravata com a cor do vestido??? eu achei q ia ficar tao legal eu combinando com o meu gu…

    ps. tem uma aluna minha que tb tah namorando um gustavo!! eles vaum dominar o mundo!!!

    • Hahaha, o “meu” tambem é Gustavo!!
      Gente… “Gustavos” sao pra casar” =D

      Cara, to indignada e sem palavras diante de tanta rispidez dessa loja… Mas fiquei mais nervosa com a grafia errada do seu nome!!!!! Nao sei como voce nao corrigiu na resposta, rs
      Ainda que nao tivesse como saber, ta aí a prova de que nao sao suas leitoras, mesmo!!!!!

  15. Tenho uma história parecida. Um amigo de um amigo meu era empresário e trabalhava com tratores, ai foi na loja comprar, mas como estava vindo do campo, não teve tempo de passar em casa e tomar banho, então foi na loja sujo de barro e tal. Chegando na loja, ninguém vinha atende-lo, demorou.. demorou ai passou a senhora que servia café e perguntou se ele queria um cafezinho. Bom, o rapaz só foi atendido, quando a loja já estava praticamente vazia, ai veio o vendedor com a maior cara de pau, perguntando se poderia ajuda-lo e ele respondeu “Claro, vou querer 5 tratores, mas só se a comissão for para a senhora que esta servindo o café, pois foi a unica pessoa dessa loja que me tratou bem”. Pior que as pessoas são assim mesmo, te julgam pela aparência. Minha mãe tem um salão de beleza e nunca, nunca, fizemos uma coisa dessas, já tive casos de pessoas, onde parecia muito que a pessoa não teria condições de pagar,mas mesmo assim, falei para os profissionais atenderem, pois qualquer problema tiraria do meu bolso para pagar e no final a pessoa tirou um bolinho de nota de 50 e 100, deu caixinha para as manicures e tudo mais.

  16. Pingback: Atenção noivas, noivos, padrinhos e damas: Fujam sem olhar para « Assuntos Diversos « Mulher de Qualidade·

  17. Lamentável!
    Nossa dois dias sem passar por aqui e qdo eu acesso o blog dou de cara com essas postagens da Ise e da Sabrina, fiquei pasma!
    Trabalho com o público desde os 16 anos de idade. Já tive dias maravilhosos e dias que não vale a pena lembrar e nem por isso nunca destratei ninguém pelo que Ela esta vestindo ou qualquer outro motivo. A atidude dessa loja e dessa vendedora se é que ela pode ser chamada assim, pois é até uma ofensa para os vendedores desse Brasil, lembro da vendedora que me atendeu qdo fui locar meu vestido de noiva, a Rose da Traje e Rigor foi super simpática um amor de pessoa e detalhe nem perguntou a forma de pagamento, simplismente fez a nota e disse que depois resolveriamos isso. Ou seja Ela valoriza o trabalho dela. Então hoje sou professora trabalho das 07:00 ás 18:20 de seg à sexta…Com alunos da 5ºsérie do ensino fundamental ao 3º ano do Ensino Médio, ou seja, meus dias não são nada faceis, e é uma escola do Estado, tenho mais alunos diferentes do que vcs possam imaginar daquele que me chama de Prô aquele que me chama de de Filha da p…se eu mando ele desligar o celular, mas nem por isso desconto minhas frustrações ou qualquer tipo de problema neles, Eu escolhi essa profissão e querida vendedora dessa lojinha…VC ESCOLHEU SER VENDEDORA…então…
    Conclusão: Ise achei ótima sua iniciativa de de denunciar, pois só assim saberemos que Só á Rigor não merece que nós passemos pela mesma calçada, pois se é assim que costumam atender e tratar as pessoas, Eles merecem o mesmo tratamento!! Ise estou contigo e não abro!!! Beijos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s